Faça um Porosímetro Caseiro e perceba quando precisa abandonar a sua asa.

Texto de Eurismar Jr


A engenharia pra criar esse sistema já existe a mais de um século.

No estudo dos fluidos podemos identificar esse tipo de sistema nos manômetros de coluna líquida tipo U.

Esse sistema para medir a porosídade é tão eficiente quando o modelo "padrão", porem a altitude que esta sendo realizada o teste pode representar erros em relação ao modelo tradicional, outra falha que pode existir é a marcação errada da coluna de água na garrafa e os vazamentos de ar do sistema no qual irão contribuir para valores diferentes do teste em um porosímetro tradicional. Vale lembrar que o porosimetro tradicional sem manutenção pode também apresentar falhas no resultado.


Mesmo com todas essas possibilidades de não ter um resultado 100% como de um fabricante o teste é muito importante para a segurança do voo livre e mesmo com erros, o sistema é capaz de identificar com exatidão quando um parapente esta condenado.


Considerando que o seu porosimetro caseiro não tenha vazamentos e que a marcação na garrafa esta correta o erro devido a altitude de realização do teste vai ser inferior a 10% do modelo tradicional, ou seja, se em um porosimetro tradicional o resultado é 100 segundos, nesse o resultado poderá ser de 90 segundos. No caso de um parapente condenado, segundo alguns fabricantes, os valores inferiores a 15 segundos já comprometem a segurança de quem utiliza a asa e a mesma deve ser aposentada ou levada para treino de solo.


Parapente condenado

Se no porosimetro tradicional o resultado é 10 segundos no caseiro o resultado será de 9 segundos e isso não muda a condenação do parapente. no final desse texto esta a tabela de porosidade de alguns fabricantes.


Consulte os produtos a venda do Quixadá Aventura nesse link, produtos comprados e revendidos direto da europa.

O porosimetro tradicional da JDC ao invés da coluna de água para sugar o ar no tecido do parapente para realizar o teste, utiliza da força da gravidade para sugar o ar no tecido com ajuda de uma membrana/coifa e isso é cronometrado eletronicamente.


O princípio do teste consiste em

Saber quanto 250ml de ar passam por 40cm² de tecido a uma pressão de 10mba. Ambos os porosimetros foram criandos para medir esse princípio.


Tabela de porosidade de alguns fabricante

Tabela retirada do site https://www.clubparapenteferrol.com/news-posts/sobre-la-porosidad-de-los-parapentes/

Como fazer o teste no meu parapente

O teste deve ser realizado em vários pontos do parapente, as empresas de manutenção tiram uma média do resultado de 6 pontos, sendo estes no centro e nas extremidades do parapente, tanto do intradorso quando no extradorso, todos no bordo de ataque.


O primeiro a apresentar esse porosimetro na internet foi o piloto Tim Wolf no qual apresentaremos abaixo o vídeo do seu projeto.




Tim Wolf descreve no vídeo que A interpretação do tempo medido de um medidor de porosidade DIY é controversa pelas seguintes razões: 1) O tempo medido com este medidor de porosidade modelo DIY é muito próximo, mas não exatamente igual, aos resultados de medição de um medidor de porosidade "oficial". 2) Um manual de um medidor de porosidade "oficial" diz: Observação: a repetibilidade com panos não é tão boa quanto a especificada (repetibilidade de ± 2% com furo de referência de 0,3 mm de diâmetro) porque depende muito de sua configuração (posição, tração, dobras, etc.). 3) Diferentes fabricantes de planadores chegam a diferentes conclusões com base nos resultados da medição da porosidade. Seguindo a definição, a altura da coluna d'água deve ser de 10 cm durante toda a medição. Isso é muito difícil de conseguir e, na prática, seria uma fonte significativa de erro. Portanto, calculamos a altura inicial e a altura final da coluna d'água que resultam no mesmo tempo medido que uma coluna d'água de 10 cm daria. Isso depende do diâmetro da garrafa, daí a tabela 02:40. Fornece para vários diâmetros de garrafa a altura inicial e final correta (o volume entre o anel verde e vermelho é para todos os diâmetros de garrafa 250 cm ^ 3). Como você pode ver na tabela, a distância entre o anel azul e verde (e vermelho também) NÃO é de 10 cm! A coluna de água começa em> 10 cm (vazamento de ar mais rápido) e termina em <10 cm (vazamento de ar mais lento). Com as alturas inicial e final fornecidas, ambos os efeitos se esgotam. O tempo também depende ligeiramente do diâmetro da caçamba, mas se o diâmetro da caçamba for> 25 cm, o erro causado por isso pode ser ignorado com segurança. Diferentes fabricantes de planadores usam diferentes locais em seus planadores para medição de porosidade.


Quixadá Aventura e o porosimetro caseiro

Estamos usando este medidor de porosidade há alguns meses e com sucesso conseguimos mostrar a pilotos que suas velas já estavam no final da vida útil. Em outros casos ajudamos na devolução de equipamentos vendidos como "novos" no qual medimos menos de 10 segundos de porosidade. Na carência de manutenção no Ceará e Rio Grande do norte realizamos uma viagem de 1100km de broz (Eurismar Jr) para medir a porosidade de todos os pilotos possíveis e apresentar também o projeto caseiro. Muitos mudaram de equipamento após essa tripe. Gostaríamos que agora outros pilotos também fabricassem esse porosimetro caseiro para que nosso esporte possa a cada dia ser praticado com mais segurança.


Vale lembrar que a trimagem correta das linhas também é fundamental para o voo seguro... O equipamento é um conjunto que deve funcionar corretamente por completo.



Foto tirada em Juazeiro do Norte durante trip de 1100km para manutenção de eq